Malê reúne em coletânea poemas de Conceição Evaristo, Salgado Maranhão, Elisa Lucinda, Lia Vieira e


Foto: Divulgação

Amor e Outras revoluções. Grupo Negrícia: antologia poética será lançado no dia 30/07, no Centro Cultural da Justiça Federal, no Rio de Janeiro.


A Editora Malê lança o livro Amor e Outras revoluções. Grupo Negrícia: antologia poética no dia 30/07 (terça-feira), às 18 horas, no Centro Cultural da Justiça Federal. O evento conta com o Seminário As literaturas afro-brasileira e de resistência – estéticas de contra lamuria e contra recalque, das 15h às 18h. O livro é uma coletânea de poemas selecionados e organizados pelo escritor Éle Semog e reúne poetas que participaram do Grupo Negrícia, fundado no início da década de 1980, e do qual participou poetas como Salgado Maranhão e Conceição Evaristo. Além destes poetas, Semog convidou para a coletânea novas vozes da poesia negra brasileira, como o poeta carioca Cizinho Afreeka. Participam do livro: Amélia Alves, Ana Cruz, Cizinho Afreeka, Conceição Evaristo, Deley de Acari, Éle Semog, Elisa Lucinda, Eustáquio Lawa, Hélio de Assis, José Jorge Siqueira, Jurema Araújo, Lia Vieira, Luis Turiba, Salgado Maranhão e Viviane Couto.


Para o organizador de Amor e Outras revoluções o livro “expressa a literatura afro-brasileira inserida na cena literária para combater o racismo brasileiro e a literatura de resistência política que começou a ser produzida por jovens escritores negros nos últimos anos da década de 1970 e início da década de 1980, quando enfrentavam a ditadura militar.” O livro tem apresentação do pesquisador, especialista em literatura negro-brasileira, Eduardo de Assis Duarte, que afirma “Amor e outras revoluções revela ao leitor a forma múltipla e, talvez, por isto mesmo, inquietante, da poesia negra contemporânea. Com efeito, ao reunir a poesia de quinze vozes negras contemporâneas, o livro demonstra o vigor criativo do Grupo Negrícia e da escrita afro-brasileira contemporânea.” O evento ainda conta com o Seminário As literaturas afro-brasileira e de resistência – estéticas de contra lamuria e contra recalque, onde será debatido as trajetórias dos coletivos literários negros e a literatura negro-brasileira na atualidade. O objetivo do seminário é o de analisar, refletir, disseminar informações sobre processos criativos, práticas e as estéticas poéticas que floresceram e evoluíram a partir de meados da década de 1970, tanto na literatura afro-brasileira, quanto na de resistência e os enfreamentos ao racismo e à ditadura militar que imperavam no país naquele momento.


Serviço:

Evento: Lançamento do livro Amor e Outras revoluções. Grupo Negrícia: antologia poética

Programação:

15h - Abertura (Vagner Amaro, Salgado Maranhão e Éle Semog)


15h20 - Trajetórias estéticas na consolidação da literatura afro-brasileira feminina

Escritoras: Lia Vieira, Amélia Alves, Ana Cruz

Mediadora: Fernanda Felisberto


16h30 - Memórias do Grupo Negrícia contra lamúria e militância.

Escritores: Eustáquio Lawa, José Jorge Siqueira, Éle Semog, Deley de Acari, Helio de Assis,

Mediador: Luis Turiba


18h - Lançamento da antologia Amor e Outras revoluções, coquetel, autógrafos, microfone aberto.


Local: Salão Nobre do Centro Cultural da Justiça Federal. Avenida Rio Branco 241, Rio de Janeiro (RJ)


Saiba mais sobre o livro: Amor e Outras revoluções


Notícias em destaque
Noticias recentes
Arquivo
Procurar por tags
Redes Sociais
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - White Circle
  • Facebook - White Circle

© 2016 por Malê edições. Criado por Francisco Jorge